FANDOM



Sons contínuos de cliques podiam ser ouvidos, vindos de um homem mexendo em seu computador. Em sua tela várias abas e programas estavam abertos, todos referentes a uma codificação. O horário denunciava que já eram quase duas da madrugada, e depois de segurar tanto, o rapaz decide ir ao banheiro. O monitor permanece em um site de uma universidade, com um vídeo carregando para ser exibido:

  • Margareth: Saudações, meu caro ouvinte das extensões virtuais da academia renomada de Sepinstel. Meu nome é Margareth Schwer Haintsbrood; reitora e proprietária desta franquia institucional de ensino superior situada em diversos países, já comparável a Howard e a Oxford por nossos excepcionais resultados. Se está me assistindo é provável que tenha o interesse em cursar uma de nossas universidades, mas a pergunta que irei lhe lançar agora é: você realmente está preparado para isto? Há várias vertentes que com essa indagação eu vos abro. Uma delas é: será que possuem uma boa renda para bancar todas as despesas e ferramentas que estamos dispostos a os oferecer? Se foi a primeira coisa que pensou, eu os aconselho a desistir. Para suportar todas as nossas atividades e estudos sem sombras de dúvidas deve ter uma amplietude mental altamente elevada, por assim dizer. Cursar Sepinstel torna obrigatório ter muito mais que dinheiro para bancar nossa mensalidade. Deve ter intelecto. Acredite. Uma vez que estiver por dentro de nossas instalações, nosso sistema estará não só encarregado, como também empenhado em torná-lo mais que um modelo mais que um prodígio, mas sim uma imponente estrela em seu campo de atuação de escolha. E uma vez dando tanto, também esperaremos tanto de você. E saiba pelo nosso renoma que o que falo a você neste vídeo está muito aquém de ser um blefe; é uma verdade, e ainda resumida. Será mesmo que está pronto para tamanha pressão? E quanto à responsabilidade? Será mesmo que é capaz de adentrar nosso cenário e conviver com os maiores futuros gênios de vanguarda e líderes que estarão fortemente capacitados para a construção do amanhã? Ou então você seja apenas uma pessoa prosaica fadada a viver como parte menor de um ciclo sem grandes inspirações? Bem, isso quem tem que me dizer é você e para ajudá-lo a se definir, nós da academia de Sepinstel disponibilizamos diversos testes para que possa ter noções de nossas provas e nível de dificuldade, além de extras que possam ajudá-lo também a se descobrir, útil também para outras faculdades. Se ainda persistir em achar-se capaz de ser um discípulo de nosso sistema, entre em contato com os números e endereços também tidos neste espaço eletrônico. Espero que esta pequena palestra possa ter ao menos um pouco elucidado suas expectativas, e boa sorte com sua futura escolha. Sinta-se a voltade com sua decisão, e até breve.

Uma vez terminada sua poderosa fala, um triângulo virado com sua extremidade para o lado direito ao redor de outros vídeos denota o que já estava óbvio: tudo era parte de um sistema virtual, um site propriedade da cintilante corporação acadêmica de Sepinstel, o qual alguém estava visitando naquele momento. Sinônimo de requinte, classe, e também de inteligência, desenvoltura. Um poderoso centro de investimentos para muitos órgãos e munícipios, que buscavam ter seus nomes vinculados a mesma devido a seu importante valor. Somente isto a acrescentar o que Margareth Schwer Haintsbrood – influente empresária no campo das ciências – já tão bem explicou. A julgar pelo conteúdo de quem acessava, era de se presumir que se tratava de um jovem extremamente esforçado ou ambicioso para estar por trás da tela daquele computador, acumulando informações para que possa ter em mente tudo o que precisaria fazer para adentrar em um campus de renome que além de bem preencher seu currículo, também bem preencheria sua vida profissional, fornecendo valiosos conhecimentos que o possibilitaria iniciar sua profissão já com o pé esquerdo. Bem... O negócio não é para tanto. Realmente por trás daquela máquina estava um homem determinado, comprometido, e audacioso. Mas, de longe era um estudante. Pelo contrário; já havia se formado no que tinha para se formar. O rapaz de vinte e quatro anos vinha ao site para ter verdadeiramente dados em sua disposição. Porém, estes eram muito mais profundos do que aquele espaço virtual tinha a oferecer. Não era o que superficialmente era mostrado em artigos e imagens, afinal, com tantas abas em seu computador referente apenas para com uma só página, sendo estas não só vinculadas a seu navegador, mas também a outros programas que estavam abertos. Bem. O negócio era bem, bem mais em baixo. Logo saindo daquele campo e clicando em outro, um fundo branco cheio de letras, números, sinais; todos em vários tons de cinza são vistos. Uma infinidade de padrões e codificações logo são destacados em diversas cores, que estavam sendo analisadas por aquele olho clínico, e já era de hora. Cada item tinha a sua função, e cada aglomerado uma função maior. Uma frota de caracteres era apenas um dos diversos links que aquela webpage continha, e imagine as figuras e o próprio vídeo assistido o quanto possuíam. Nem se fala. Aquilo era tarefa para poucos, quem sabe gênios. João Batista não era um superdotado, mas entendia do assunto muito bem. Ele trabalha em um campo que exigia sabedoria de áreas que um marginal saberia, e estava as usando naquela hora para alguma coisa. Para o bem ou para mal? Já faziam dias e nenhum resultado ele havia obtido. Nesta madrugada, ele estava desde às dez da noite. Já eram quatro da manhã. Nesse tempo completamente alienado do mundo, apenas concentrado em encontrar alguma maneira para fazer valer a sua olheira, que de tão profunda já quase alcançava o crânio. Tudo em busca de algum erro, algum código quebrado que o enviasse a um sincronismo maior off-line de computadores. Cada página sendo vista separadamente. Algo deveria dar-lhe acesso ao provedor, mas era muito bem camuflado. Afinal, estava lidando com os melhores. De repente, ele encontra uma estrutura inocente, aberta às garras do S.I.P – Sistem Invasor Performer, um programa que auxilia no processo de hackear. Enfim, a página invadida revela ser um questionário. Sim. O site permitia ao candidato a vaga universitária enviar uma amostra de sua capacidade intelectiva para alguns corretores, em forma de uma prova - por questões de copyright, nada na internet tinha o direito de repassar as repostas ou comentar sobre elas, e qualquer percepção estaria sobre grave alvo de um processo legal. Assim, ele obtém acesso a todos os dados e as respostas das perguntas, todavia, o que ele queria mesmo saber eram os nomes. Os nomes dos aspirantes, ou melhor, a formação da lista. Em poucos minutos ele prepara seu arsenal virtual para invadir aquela rede, e em poucos segundos obtém acesso ao sistema maior que Sepinstel usava para gerenciar tudo o que lhe dizia respeito, e com isto, sem uma grande liberdade entre os computadores da franquia de universidades, João procura por um fichário com todos os já aprovados para cursarem. Seja por bolça, ou por qualquer outro motivo. Eis que obtém, e assim sorrateiramente coloca seu próprio nome completo, automaticamente se fazendo de um administrador. Uma edição seria algo muito arriscado, com boas chances de falhar. Que nada, dá certo. Mal podia contemplar aquela vitória que cai para trás, derrubando uma lata de refringente no chão de seu apartamento. O orgulho de si mesmo era tremendo e nenhuma atualização retirou sua edição dali, mesmo recarregando aquele painel. Se havia feito uma besteira ou não, ele desconhecia. Mas sabia com uma crescente certeza de que a partir de agora, ele havia entrado para a renomada academia de Sepinstel.

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.